FUNDAÇÃO CULTURAL
DE CRICIÚMA
\\ Mil máscaras são produzidas por dia no Centro Cultural Jorge Zanatta
Proteção facial é destinada para os profissionais que atuam na rede municipal de saúde em Criciúma
  • Data: 23/06/2020 - 08:10:00
  • Última Atualização: 23/06/2020 - 08:14:01
  • Texto: Stefanie Machado
  • Foto: Jhulian Pereira
$noticia->title

Das mãos habilidosas dos funcionários da Fundação Cultural de Criciúma (FCC) e Fundação Municipal de Esportes (FME) nascem aproximadamente mil máscaras por dia no Centro Cultural Jorge Zanatta. Depois de prontas, as proteções faciais são entregues para os profissionais que atuam nos serviços de saúde no município. A ação é mais uma das medidas para evitar a disseminação da Covid-19.

As máquinas de costura são emprestadas e os materiais são obtidos a partir de doação. A produção começou no final de abril e até o início de junho eram produzidos 800 itens de proteção diariamente. “Recebemos mais uma máquina emprestada, aumentando a produção para mil máscaras por dia. Continuamos seguindo todas as normas de segurança exigidas pela Vigilância Sanitária”, contou a diretora administrativa da FCC, Jamile Souza.

Enquanto as atividades culturais e esportivas estão suspensas por conta da pandemia de Covid-19, os colaboradores de ambas fundações estão auxiliando no combate à doença. Os funcionários aprenderam a produzir máscaras na confecção da Associação Feminina de Assistência Social de Criciúma (Afasc).

 


Copyright © Diretoria de Tecnologia da Informação | Prefeitura Municipal de Criciúma